A gastronomia é sempre um aspecto importante de uma viagem. As pessoas sempre querem sair da sua rotina diária de alimentação, experimentar diferentes sabores e vivenciar os sabores locais do lugar da viagem. A alimentação diz muito sobre uma cidade e faz parte da experiência cultural de uma viagem. Quem não experimenta a comida local, perde a oportunidade de “turistar” por sob um outro olhar.

Pode-se dizer também que a forma que a cidade lida com o turismo possui relação com os serviços oferecidos no âmbito da alimentação. O viajante sempre quer equilíbrio entre as balanças: preço, qualidade dos serviços e bom atendimento. Considerando esses aspectos, quero falar um pouco sobre a alimentação em Paraty e sobre um restaurante que recomendo.

Em Paraty (RJ) é possível encontrar todo o tipo de restaurante – do mineiro ao tailandês. Há uma vasta gama de restaurantes, com preços exorbitantes e, muitas vezes, mesmo pagando altos preços, nem sempre os serviços oferecidos são tão bons. Isso é  decepcionante em uma cidade tão turística como Paraty.

Paraty - Rio de Janeiro

Esse não é o caso do Restaurante Galeria do Engenho. O restaurante é uma gracinha, possui um excelente atendimento e os preços são razoáveis. Quando estive no restaurante tive a oportunidade de experimentar a moqueca de camarão da casa. Tenho que admitir: muito saborosa! Nem quando fui a Búzios (RJ) eu comi uma moqueca tão deliciosa. A moqueca do Galeria do Engenho agora é uma das minhas favoritas.

Restaurante em Paraty

O ambiente é aconchegante, agradável e intimista. O lugar é frequentado por vários tipos de públicos: casal, grupos de turistas, estrangeiros. Não se preocupe, mesmo com a variedade de clientes, o lugar é romântico para casais.

Para os amantes da boa culinária com preço justo e com bom atendimento.


Restaurante Galeria do Engenho
Rua da Lapa, 18 – Centro Histórico
55-24-3371-1680

Imagens:
© Viagem Digital

  • Pingback: Paraty

  • Pingback: Roteiro Paraty, Ubatuba e Angra dos Reis

  • Pingback: 5 Motivos para Conhecer Paraty (RJ)

  • http://www.viagemdigital.com.br/ Viagem Digital

    Olá Fernando!

    Que legal a sua ideia de viagem! Ir de carro é legal justamente pela possibilidade de ir parando e conhecendo várias coisas. Não conheço Ilhabela e dizem que é lindinha!

    A minha sugestão é você fazer Ilhabela e ir subindo pelo litoral e parando, selecionando alguns dias em cada local. Acho que daria muito certo essa ideia aqui ó:

    Ilhabela – Ubatuba – Angra – Paraty

    Se o seu roteiro couber (e o tempo), talvez, até dê para incluir Ilha Grande!

    Ao fim da viagem, você pode voltar pela estrada mais rápida (BR-116) e se der um tempinho explorar rapidamente uma outra cidade que julgar interessante para a viagem não ficar muito cansativa.

    Sobre a quantidade de dias que deve permanecer em cada local, vai depender muito do estilo de viagem do casal, do interesse pelos passeios e locais históricos. Há casais, por exemplo, que só querem curtir a praia, restaurantes. Então, nesse caso, pode ser feito um tempo reduzido em cada cidade. Outros querem fazer um pouco de tudo, fazer trilhas, etc. Realmente, vai depender do interesse de vocês.

    Aqui tem algumas dicas rápidas de uma ideia de roteiro. Roteiro Paraty, Ubatuba e Angra dos Reis. http://www.viagemdigital.com.br/roteiro-paraty-ubatuba-angra-dos-reis/

    Sobre Paraty, passeie pelas ruas históricas, visite os pontos históricos, faça o famoso passeio de escuna. E, não deixe de conhecer Trindade. Essa é uma das praias mais lindas que já fui!

    Normalmente, esses pacotes que hoteis oferecem não são muito vantajosos para quem deseja viajar com orçamento mais reduzido. Faça diversas cotações, tanto para pacotes de lua de mel e sem pacotes de lua de mel com diversas hospedagens. Não esqueça de cotar os passeios separados também para ver o que vale a pena. Monte planilhas para visualizar os valores e ajudar a decidir. Eu geralmente faço isso e ajuda muito.

    Planejar viagem é uma delícia! Não demore muito a começar a planejar que o tempo já está em cima para quem vai viajar em janeiro, hein?

    Espero que essas dicas tenha lhe ajudado.

    Abraços,

    Cris.